sexta-feira, 14 junho, 2024
spot_img
InícioJundiaíJundiaí consegue recurso para o levantamento de áreas para restauração ecológica

Jundiaí consegue recurso para o levantamento de áreas para restauração ecológica

A Prefeitura de Jundiaí, por meio da Unidade de Gestão de Agronegócio, Abastecimento e Turismo, foi aprovada em um edital da Agência de Bacias Hidrográficas dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí para prospecção de áreas para a recuperação ecológica de três bacias – Jundiaí-mirim, Capivari e Jundiaí.
“O recurso será aplicado para a contratação de uma empresa que vai visitar essas três bacias e captar áreas para plantio de restauração ecológica. É uma forma de alavancar o Programa ‘Nascentes Jundiaí’, instituído pela Lei 8607/2016 na cidade aumentando as áreas restauradas”, comenta Ana Maria Pires, coordenadora do Programa dentro do Departamento de Agronegócio.
O Programa Nascentes Jundiaí, sob a responsabilidade da Unidade de Gestão de Agronegócio, Abastecimento e Turismo, avançou nos últimos meses e soma 48 propriedades rurais participantes. “Essa obtenção de recursos é mais uma das ações da administração pensando na preservação da biodiversidade. Toda produção agrícola de Jundiaí é apoiada na sustentabilidade. No Programa Nascentes Jundiaí, o nosso objetivo é a ampliação das ações de conservação, restauração e recuperação para a adequação ambiental determinada no Cadastro Ambiental Rural feita pelos Agricultores, em todo município de Jundiaí, em especial para a Bacia do Rio Jundiaí-mirim, que é o principal manancial de abastecimento público da cidade”, afirma o gestor de Agronegócio, Abastecimento e Turismo, Eduardo Alvarez.
No sítio da Família Vendramin, no bairro Caxambu, que produz diversas frutas, como goiaba, pêssego e banana, além de geleias e produtos artesanais, foram plantadas cerca de 2.000 árvores, tendo uma área de aproximadamente 12.000 m² restaurada. “O projeto nos ajudou muito. Além de ter deixado o sítio mais bonito, as nossas áreas verdes foram restauradas com mais árvores”, detalhe a proprietária Sandra Vendramin.
“Precisamos garantir, através de nossos esforços, ações que atuem diretamente na segurança hídrica da população da cidade. Hoje temos 40 hectares em processo de restauração ecológica, em sua maioria em propriedades com atividades, onde o resultado é ainda mais importante”, completou a coordenadora.
Podem participar do Programa Nascentes Jundiaí proprietários rurais de áreas preferencialmente produtivas inseridas em zona rural ou urbana que possuam Áreas de Preservação Permanente desprotegidas (nascentes e cursos d’água) ou outras áreas onde haja a possibilidade de revegetação. Basta apresentar uma cópia do Cadastro Ambiental Rural (CAR) na Unidade de Gestão do Agronegócio, Abastecimento e Turismo (Paço Municipal) e preencher o pedido de inscrição no Programa Nascentes Jundiaí.
Caso a área esteja apta a participar, será feito um mapa georreferenciado e o Diagnóstico Ambiental da propriedade, para que a área seja incluída no Banco de Áreas para Restauração (BARE). Os produtores rurais que têm o interesse de participar podem preencher o formulário no site do Agronegócio. Em caso de dúvidas sobre o programa, pode entrar no site, em contato pelo e-mail agronegocio@jundiai.sp.gov.br ou pelo telefone 4589-8581/8692/8872, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas.

Anselmo Brombal
Anselmo Brombalhttps://jornaldacidade.digital
Anselmo Brombal é jornalista do Jornal da Cidade
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- publididade -spot_img

POPULARES