quinta-feira, 30 maio, 2024
spot_img
InícioJundiaíDae distribui Relatório de Qualidade da Água

Dae distribui Relatório de Qualidade da Água

As contas da Dae Jundiaí entregues no mês de fevereiro serão acompanhadas de um folder: trata-se do Relatório de Qualidade da Água, distribuído anualmente pela empresa com detalhes sobre os parâmetros que guiam o tratamento da água utilizada para abastecimento na cidade. Mais de 115 mil clientes receberão o Relatório, cujos dados também estão disponíveis no site da Dae (https://daejundiai.com.br/). Entre eles, está Ana Maria Nardi, que mora no Jardim Paulista, um dos primeiros bairros a receber o relatório. “Acho essa uma ação importante. Vemos que a Dae está demonstrando clareza no trabalho que realiza para a gente”, disse. Márcia Tentor, que tem comércio no bairro, também elogiou a iniciativa. “É muito interessante. O munícipe precisa saber como é feito o trabalho de saneamento na cidade”, avalia. As informações se referem a 2023. A elaboração do relatório atende ao decreto federal nº 5.440/05, que estabelece definições e procedimentos sobre o controle de qualidade da água de sistemas de abastecimento público e institui mecanismos e instrumentos para divulgação de informação ao consumidor sobre a qualidade da água para consumo humano. O folder também explica a operação do abastecimento, desde a reservação até à distribuição, as etapas do tratamento da água, os padrões de potabilidade (como cor, pH e turbidez, entre outros) e a operação do tratamento do esgoto. Atualmente, 99,65% da população urbana e rural de Jundiaí conta com redes de água e 98,81% com redes de esgoto. Além disso, 100% do esgoto coletado passa por tratamento. O controle da qualidade da água fornecida pela Dae é feito pelo Laboratório de Controle de Qualidade, que realiza duas mil análises por mês, a partir de amostras coletadas em toda a rede de distribuição do município, desde a água bruta (rios córregos e represas) até o tratamento e distribuição. O monitoramento é acompanhado e orientado pela Vigilância Sanitária e, quando são identificados resultados fora da conformidade, estes são corrigidos pela Seção de Desinfecção e Higienização de Instalação da empresa, até que os padrões de potabilidade sejam restabelecidos.

Anselmo Brombal
Anselmo Brombalhttps://jornaldacidade.digital
Anselmo Brombal é jornalista do Jornal da Cidade
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- publididade -spot_img

POPULARES