sábado, 20 julho, 2024
spot_img
InícioJundiaíPrograma de Cultivo Protegido abre inscrições

Programa de Cultivo Protegido abre inscrições

O programa Cultivo Protegido, realizado pela Prefeitura de Jundiaí, a partir da Unidade de Gestão de Agronegócio, Abastecimento e Turismo, que tem o objetivo de estimular os produtores rurais para o uso de tecnologias que ampliem a proteção às lavouras, abriu inscrições na última segunda-feira (10). O recurso disponível é de até R$ 6 mil por propriedade.
O recurso foi lançado há dois anos, sendo pioneiro em território nacional como proteção e prevenção aos extremos climáticos, além de danos causados por aves e já contemplou 33 produtores em 36 propriedades na cidade, no ano passado. O cultivo em ambiente protegido minimiza o impacto de estresses climáticos decorrentes do excesso de chuva, granizo, geadas e baixas temperaturas, além de impedir que os frutos sofram ataques de pássaros no período da colheita e minimizam a incidência de ataque de pragas e doenças, o que promove e melhora a qualidade final do produto.
O subsídio atende telas antigranizo, antipássaro e filme agrícolas. O valor pode ser usado por agricultores com propriedade comprovadamente produtiva de frutas e hortaliças e com área estabelecida em Jundiaí, desde que apresentada a nota fiscal da compra dos produtos. “Este serviço é uma reivindicação antiga dos produtores, que conseguimos atender pelo terceiro ano consecutivo e que se tornou fundamental para que a safra seja preservada, prova disso é que o número de inscritos aumenta a cada ano”, reforça a diretora de Agronegócio, Isabel Harder.
Os produtores rurais deverão apresentar os seguintes documentos:
cópias do RG e CPF (pessoa física);
cópia do CNPJ, RG e CPF dos responsáveis (pessoa jurídica);
documento que comprove a posse da propriedade ou contrato de arrendamento ou termo de cessão de uso;
cópia simples do comprovante de residência; cópia simples da nota fiscal em nome do produtor rural, referente à compra dos revestimentos para a cobertura das estruturas;
certidões negativas de débito dos tributos municipais; cópia do comprovante de conta bancária em nome do produtor.
Os documentos para a inscrição devem ser apresentados diretamente na Unidade de Agronegócio, Abastecimento e Turismo, que fica no Paço – 5º andar – Ala Norte, das 9 às 17 horas. O formulário também pode ser retirado e preenchido no órgão no momento da inscrição.

Anselmo Brombal
Anselmo Brombalhttps://jornaldacidade.digital
Anselmo Brombal é jornalista do Jornal da Cidade
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- publididade -spot_img

POPULARES