quarta-feira, 17 julho, 2024
spot_img
InícioJundiaíObras de mobilidade reduzem tempo no trânsito e agradam motoristas

Obras de mobilidade reduzem tempo no trânsito e agradam motoristas

Com 96% de conclusão das obras e em fase de execução de sinalização de trânsito e plantio de grama, o Complexo Viário da Região Sul será entregue à população ainda neste primeiro semestre. Mesmo sem estar finalizado, o dispositivo já demonstra eficácia e garante trajetos mais rápidos aos motoristas que trafegam diariamente pela região.
Tanto a construção do Complexo da Região Sul quanto o prolongamento da avenida Frederico Ozanan com as alças e pontes são fruto de investimentos conjuntos. “Jundiaí avança com as obras e investimentos em parceria com o Governo do Estado e o apoio fortalece as execuções, que são entregas para a melhoria de vida das pessoas. E a parceria não é apenas em obras, mas também em financiamentos para a Saúde, como é o caso do Hospital São Vicente”, ressalta o prefeito Luiz Fernando Machado.
José Carlos Gambini, de 69 anos, é morador do bairro e proprietário de comércio na avenida Samuel Martins há 23 anos. Ele conta que o trânsito melhorou muito desde a abertura do novo complexo. “A região está muito desenvolvida e cada vez chega mais gente, por isso era necessária uma obra para melhorar o fluxo de veículos. Estamos contentes. Antes eu demorava meia hora para chegar à Anhanguera, por exemplo, mas agora demoro em torno de 10 minutos”.
O dispositivo faz a ligação entre a rodovia Presidente Tancredo Neves, conhecida como Estrada Velha, e as avenidas Samuel Martins e 14 de Dezembro, por meio de viaduto, alças e retornos para a ligação entre as vias. O espaço também recebeu a instalação de 248 lâmpadas em LED, que são mais eficientes e econômicas. O investimento foi de R$ 30 milhões, sendo R$ 23 milhões de repasse do Governo do Estado e R$ 7 milhões de contrapartida do município.
A avenida Antonio Frederico Ozanan será prolongada em 2,5 km e terá canalização de trecho do rio Jundiaí. Além disso, haverá a construção de quatro pontes: a ponte estaiada ligará a Ozanan com a avenida Luiz Latorre, na altura da rua Benedito de Godoi Ferraz. Também serão construídas duas pontes próximas ao Córrego das Valquírias, para interligação da Antonio Frederico Ozanan com a avenida Jacyro Martinasso; e uma ponte próximo à Unip para interligação da Luiz Latorre com a Ozanan, além da duplicação do túnel existente na região. O investimento é de R$ 143 milhões. A obra irá melhorar a vida de 40 mil pessoas que trafegam pela região diariamente.
Outra obra em andamento é o prolongamento da avenida Paulo Benassi, que ligará a marginal da rodovia João Cereser com a Antonio Frederico Ozanan, passando por trás do Ecaj (Ceasa). O recapeamento e duplicação de trecho da avenida Olívio Roncoletta também está em execução.

Anselmo Brombal
Anselmo Brombalhttps://jornaldacidade.digital
Anselmo Brombal é jornalista do Jornal da Cidade
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- publididade -spot_img

POPULARES