sábado, 20 julho, 2024
spot_img
InícioOpiniãoA falta do que fazer

A falta do que fazer

Anselmo Brombal – Jornalista

Há algumas semanas, apareceram nas redes sociais vídeos de uma capivara nadando com seu amigo. Seu amigo, não seu dono. Ambos moram no Amazonas. Outros vídeos mostravam a convivência do sujeito, de nome Agenor, com a capivara, nomeada Filó. Os dois se entendem, e há motivos para isso. Filó foi adotada por Agenor, e foi presente de índios, que haviam caçado e matado sua mãe. Mas Filó vive solta, à vontade. Sem gaiola, sem grade, sem corrente.
Mas foi o Ibama tomar conhecimento para tudo mudar. Uma equipe do Ibama foi até a casa do Agenor para apreender a Filó. Ela foi levada para Manaus de helicóptero. E o Ibama não sabia o que fazer com a capivara. Seus iluminados dirigentes resolveram que ela deveria ser devolvida ao seu habitat. E como são semi-analfabetos, falaram em “habitat natural”. Um belo pleonasmo.
Há dias, porém, resolveram devolver Filó ao Agenor. E ambos estão felizes morando na margem de um rio. Filó nadando com Agenor;Agenor carregando a Filó no colo. E enquanto isso acontece, o Ibama não sabe dos garimpos ilegais, dos desmatamentos exagerados, principalmente no Pará. Resumindo: o Ibama não tem o que fazer, a não ser encher o saco de quem está quieto.
Filó é tratada como um animal de estimação. Mas não está presa. Por sinal, está bem à vontade. Ela se afeiçoou ao Agenor, agora promovido a “tutor” e “influencer” pela imprensa de merda que temos nos dias de hoje. Não é como ter um cachorro ou um gato. Ou um papagaio.
Mas o Ibama não tinha o que fazer. Se continuar procurando serviço, os fiscais do Ibama poderiam dar um pulinho no banco do Brics. Lá tem uma anta bem conhecida, que precisa ser enjaulada.

Anselmo Brombal
Anselmo Brombalhttps://jornaldacidade.digital
Anselmo Brombal é jornalista do Jornal da Cidade
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- publididade -spot_img

POPULARES